sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

PROTEÇÃO SOCIAL BÁSICA DO SUAS

Quixadá

  Campo velho, Alto São Francisco,
Baviera e Triângulo

Centro de Referência de Assistência Social – CRAS
¢A unidade pública estatal responsável pela oferta de serviços continuados de proteção social básica, de assistência social às famílias, grupos e indivíduos em situação de vulnerabilidade social;
¢A unidade efetivadora da referência e contra-referência do usuário na rede socioassistencial do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e unidade de referência para os serviços das demais políticas públicas;

A “porta de entrada” dos usuários à rede de proteção social básica do SUAS.

¢— Oferece outros serviços, programas, projetos e benefícios de proteção social básica relativos às seguranças de rendimento, autonomia, acolhida, convívio ou vivência familiar e comunitária;
¢— O CRAS presta atendimento sócio assistencial ás famílias e indivíduos,inserindo-os na rede de proteção da assistência social.
¢— Objetiva promover a convivência social,familiar e comunitária e assegurar as condições para o exercício da cidadania

Serviços e ações do CRAS:

a) Recepção às famílias, seus membros e indivíduos em situação de vulnerabilidade social;
b) Oferta de procedimentos profissionais, em defesa dos direitos sociais e humanos e relacionados às demandas de proteção social;
c) Vigilância social: conhecer as famílias referenciadas no território do CRAS, especialmente, as beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e do Programa Bolsa Família (PBF);
d) Acompanhamento familiar: em visitas domiciliares, grupos de convivência, reflexão e serviço socioeducativo para famílias ou seus representantes; dos beneficiários do PBF, em especial das famílias que não estejam cumprindo as condicionalidades; das famílias com beneficiários do BPC , em especial aquelas com presença de pessoa com deficiência;
e) Apoio nas avaliações de revisão dos cadastros do PBF, do BPC e benefícios.
f) encaminhamento: para avaliação e inserção dos potenciais beneficiários do PBF no CadÚnico, e do BPC, na avaliação social do INSS; das famílias e indivíduos para a aquisição dos documentos civis fundamentais para o exercício da cidadania; encaminhamento (com acompanhamento) da população referenciada no território do CRAS, para serviços de proteção básica e de proteção social especial – quando for o caso;
g) Produção e divulgação de informações de modo a oferecer referências para as famílias e indivíduos sobre os programas, projetos e serviços socioassistenciais do SUAS, sobre o Programa Bolsa Família-PBF e o Benefício de Prestação Continuada-BPC, sobre os órgãos de defesa de direitos e demais serviços públicos, de âmbito local, municipal, do Distrito Federal, regional, da área metropolitana e ou da micro-região do estado.

¢Promove ações socioassistenciais  com famílias em situação de vulnerabilidade social,  na perspectiva do direito à proteção social básica, fortalecimento de vínculos familiares e comunitários e da prevenção de riscos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário